Nutricionista: aprenda como fazer sua consulta e montar uma dieta

Atendimento Nutricional

Nutricionista: aprenda como fazer sua consulta e montar uma dieta

dietwin
Escrito por dietwin em 13 de junho de 2017
TABELA NUTRICIONAL

Quer saber como montar tabelas nutricionais de maneira rápida sem ter que fazer cálculos? Informe o seu e-mail e pressione o botão ao lado.

A metodologia escolhida para as consultas pode ser um grande diferencial para o rendimento e resultado na atuação de um nutricionista. A abordagem dos pacientes deve ser feita de forma diferenciada das consultas médicas; por isso, é muito importante entender algumas maneiras de como realizar a sua consulta.

Isso pode beneficiar não só a sua rotina profissional, mas também a experiência de seus pacientes, já que você poderá montar uma dieta de forma mais objetiva e coerente com os perfis de cada um.

Saiba qual é o objetivo do seu paciente

Antes de qualquer proposta, é importante que o nutricionista questione o paciente sobre qual o seu real objetivo ao buscar tal acompanhamento. Perder peso ou ganhar massa é um tanto quanto tendencioso, por isso, seja mais específico e compreenda qual a percepção do paciente perante o seu próprio objetivo.

Dessa forma, você estará melhor norteado não só para essa consulta, mas para todas as seguintes.

Inteire-se sobre o histórico do seu paciente

Todos temos um histórico de doenças hereditárias, cirurgias realizadas, uso de medicamentos e até mesmo de prática ou não de exercícios. Essas são algumas informações pertinentes para um nutricionista montar uma dieta.

A partir dessas informações, será possível escolher quais os melhores cardápios e como aplicá-los à rotina e ao metabolismo basal do paciente.

Abaixo você poderá conhecer algumas perguntas importantes de serem feitas na primeira consulta:

  • Tem histórico de diabetes ou doenças crônicas?
  • Já passou por cirurgias?
  • Utilizou ou utiliza medicamentos específicos? Se sim, quais?
  • Possui alergias ou intolerâncias?
  • Tem problemas de saúde? Se sim, quais?
  • Pratica atividade física?
  • Já fez dieta antes?
  • Como é a rotina?

Oriente-o a olhar para si mesmo

Inúmeros pacientes se dirigem a nutricionistas por se sentirem desconfortáveis com opiniões ou padrões impostos. Nesses casos particulares, é fundamental que o nutricionista seja um pouco mais do que profissional, cativando ainda mais a confiança de seu paciente, questionando-o se está em busca de mudanças realmente importantes para si.

Uma das melhores motivações é notar os pacientes cada vez mais seguros de si, conquistando não só o corpo que esperam, mas também uma melhor qualidade de vida, física e mental, além do benefício da saúde.

Faça uma avaliação física

Subir na balança pode ser considerado o hábito mais simples para acompanhar o ganho ou a perda de peso, mas quando há o acompanhamento de um nutricionista, essa não é a única maneira de realizar medições. 

Utiliza-se adipômetros e fitas métricas, mas atualmente já podemos contar com balanças de bioimpedância, o que pode agilizar os cálculos e a discriminação do peso corporal dos pacientes.

As plataformas, softwares e aplicativos também podem ser utilizados a favor da simplificação das consultas e escolha de cardápios.

Considere o gosto pessoal do paciente

Impor um cardápio a um paciente não é a melhor metodologia para obter resultados, já que não são apenas os valores energéticos que importam. Se você deseja montar uma dieta com efeitos efetivos, busque conhecer quais alimentos agradam e quais não agradam à pessoa.

 Baseando-se no gosto particular, apresente opções de menus principais, seguindo um comum acordo e compromisso.

Estimule o retorno

Há pacientes que se sentem desmotivados com o cronograma a ser cumprido e optam por não retornar à consulta seguinte. Para evitar isso, cabe ao nutricionista abordar a situação de uma forma natural e receptiva, para que todos se sintam confortáveis e confiantes para esclarecerem quaisquer dúvidas, a fim de não desistirem de seus objetivos.

Monte uma dieta para o sucesso coletivo

Com a experiência, você se tornará mais seguro; e lembre-se: é válida a utilização de ferramentas para otimizar o seu tempo de consulta!

Junto aos tópicos citados, o software pode auxiliar você a fazer a sua consulta de uma forma diferenciada, aumentando a probabilidade de sucesso na maneira escolhida para montar uma dieta. As metas e as análises são importantes, mas lembre-se: pequenas iniciativas fazem toda a diferença para que você se torne um referencial!

Ficou interessado nos benefícios do DietWinEntre em contato e comece a se destacar profissionalmente o quanto antes!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dúvidas? Entre em contato

Realizamos o suporte via e-mail.